Manasses e Efraim já está de bom tamanho

Há alguns anos a Rede Record deixou notória a história de Jose, um escravo hebreu que se torna governador no Egito. A minissérie contou o relato que se encontra no livro de Gênesis. A história, por si só é fantástica, fala de fé, fidelidade e superação.

 

Aos 30 anos, a vida do escravo Jose começa mudar. Porém, até este momento ele passa por muitas dificuldades. Quando adolescente foi perseguido, humilhado e traído por seus irmãos, cresceu, conhecendo um mundo hostil nas mãos de pessoas que queriam apenas tirar proveito dele.

 

Um dia foi trabalhar na casa de um general egípcio, mas, saiu de lá direto para a prisão, foi acusado falsamente de tentativa de estupro pela esposa do próprio general.

 

Quando Jose deu a volta por cima, bem que poderia ter se revoltado contra seus inimigos, mas ele decidiu continuar a vida sem lembranças do passado. Em Gênesis 41. 50-52, diz, que ao nascer o primeiro filho, ele escolhe dar o nome de Manasses, que literalmente quer dizer: “Causa de Esquecimento”, diz o texto bíblico, que assim que o menino nasceu ele disse: “Porque Deus me fez esquecer de todos as dificuldades que sofri nas mãos de minha família”.

 

Seria tão bom se todos nós tivéssemos essa postura. Esquecer sempre das coisas ruins que nos sobrevém. Isso evitaria traumas, depressões, angústias e tantas outras doenças que as pessoas vão juntado simplesmente porque não conseguem perdoar.

 

É mais surpreendente ainda, foi quando nasceu o segundo filho, José põem o nome de Efraim que quer dizer: “Fruto”, segundo a Bíblia, quando o menino nasceu ele declarou: “Pois Deus tornou-me fértil na terra de meu infortúnio.” Além de saber esquecer as coisas ruins do passado ele também sabia ser grato.

 

Ele entendeu que as dificuldades vivenciadas naqueles anos, foi o que moldou seu caráter, sua personalidade e o fez o grande vencedor. Assim como José, é preciso vencer as magoas, frustações e todo mal que nos sobrevém. É preciso lembrar que as dificuldades só nos fortalecem. Isso porque, o melhor sempre está por vir.

 

Termino aqui com uma frase de São Paulo:

 

“…esquecendo-me das coisas que ficaram para trás e avançando para as que estão adiante, prossigo para o alvo…” (Filipenses 3:13,14)

 

Pense nisso!

 

VER PRIMEIRO

Agora, que está seguindo o nosso  Twitter  e curtir uma página no  Facebook ? Para que você pode continuar andando por nossos posts.

 

Para aqueles que se acham poderosos!

Para aqueles que se acham poderosos!

Vale lembrar que ao fim,

a vida termina com a morte.

É qual é a glória na morte?

Ame,

perdoe

e viva intensamente cada segundo…

eles são únicos!

 

Pense nisso é que Nosso Senhor Bom Jesus, abençoe a todos nós.

 

VER PRIMEIRO
Agora, que está seguindo o nosso  Twitter  e curtir uma página no  Facebook ? Para que você pode continuar andando por nossos posts.

A lição da velha tamargueira, a árvore do deserto

A natureza é interessante, digo sempre que é uma caixinha de surpresa. Um exemplo, é a tamargueira, um tipo de palmeira que vive no deserto. Existem vários tipos delas. Apesar de todas as condições climáticas desfavoráveis, a tamargueira sobrevive mesmo com as mais altas e baixas temperaturas, coisa que qualquer outra árvore simplesmente não aguentaria.

Ler mais

A morte não é nada, eu somente passei

Seu nome era Aurélio Agostinho. Nasceu em Tagaste, uma cidade do Norte da África dominada pelos romanos, na região onde hoje fica a Argélia, em 13 de novembro do ano 354. Por todo o mundo ganhou fama e ficou conhecido como Santo Agostinho.

Ele é autor de um dos poemas mais lindos sobre a verdadeira essência da morte – ela não é nada! Ler mais

Mas o que é uma família?

O que é uma família? Escolhemos essa pergunta para dar início a uma série de artigos e vídeos que publicaremos semanalmente aqui no blog. Mas, antes de tudo, fica aqui nosso bem-vindos a todos!  Aguardamos sua participação, com sugestões e dicas para os próximos artigos e vídeos. Ler mais